• 25 DE Maio
  • |
  • 15:25

Feriado de 9 de julho é antecipado para esta segunda-feira, 25 de maio

Administração - 22/05/2020 | 12:34

Foto:

 

Proposta de antecipação do feriado visa aumentar o isolamento social em razão da pandemia do novo coronavírus e vale para todo o Estado. Postos de Saude funcionarão no feriado das 8h às 12h

O feriado de 9 de julho, que marca a Revolução Constitucionalista no Estado de São Paulo, foi antecipado para esta segunda-feira, 25 de maio, após aprovação da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo.

A medida vale para todo o Estado. O objetivo é tentar ampliar o isolamento em todo o Estado, uma vez que os casos vêm aumentando no interior.

“Este é um feriado para ficar em casa. Não é o momento de fazer visitas, ou de receber pessoas em casa. Para contaminar uma família, basta um, mesmo que esteja assintomático”, afirma o médico e Secretário de Saúde, Márcio Stievano.

Em Campos do Jordão, as barreiras sanitárias serão estendidas até segunda-feira (25). O movimento tem sido menor que o registrado nas demais barreiras instaladas a partir do dia 21 de Abril, sobretudo de veranistas.

Mesmo com a adesão ao feriado, a administração municipal prossegue com a execução de serviços considerados essenciais como coletas de lixo, serviços de limpeza e segurança pública.

As 14 Unidades de Saúde,  funcionarão das 8h às 12h na segunda-feira. O funcionamento será normal no Pronto Socorro e Complexo Municipal de Saúde.

Barreiras Sanitárias

As barreiras sanitárias também serão estendidas para a segunda-feira, 25, no Portal de Entrada da cidade e na SP 50, meio período no domingo e na segunda.

Instaladas desde a última quarta-feira, em função da antecipação dos feriados paulistanos, as barreiras registraram menor número de veranistas, do que as barreiras instaladas nos últimos finais de semana desde o dia 21 de abril.

O movimento nas estradas paulistas caiu cerca de 35%, no sistema Anchieta/Imigrantes e também nas demais cidades do Estado.

Casos de Covid aumentam no Vale do Paraíba

O Governo de São Paulo anunciou durante a semana que no Vale do Paraíba, o índice de avanço da Covid-19  ficou acima do registrado na Grande São Paulo e outras regiões, como Campinas e Santos.

Segundo o o crescimento proporcional de casos entre 30 de abril e 18 de maio mostrou um aumento de 108% no período. No Vale do Paraíba o índice foi de 178%.

Em apenas 21 dias de maio, a RMVale registrou mais de mil dos 1.582 casos confirmados do novo coronavírus. A região já soma 70 mortes causadas pela doença.

Desde o primeiro caso e até o dia 30 de abril, o Vale do Paraíba havia 572 diagnósticos confirmados da doença. No entanto, em apenas três semanas do mês de maio, foram confirmados mais 1.010 casos. Ou seja: 63% dos casos totais da região foram confirmados nos últimos 21 dias.

Do total de casos, mais de um terço está em São José dos Campos. A cidade também lidera em número de mortes confirmadas e na investigação de óbitos suspeitos.