• 22 DE Julho
  • |
  • 04:13

Prefeitura prioriza investimentos na Saúde

Saúde - 28/06/2018 | 11:47

Foto: Assessoria de Comunicação/ Prefeitura de Campos do Jordão

Prefeito Fred Guidoni, prioriza os investimentos na cidade. No dia 14 de junho, três novos veículos foram entregues para o setor. Reforma do CAPS inicia nova fase no tratamento de doenças mentais e combate ao uso de álcool e outras drogas.

A Prefeitura entregou, nesta quinta-feira, dia 14 de Junho, três novos carros para Secretaria de Saúde. São veículos da marca GM, modelo SPIN, que totalizam um investimento na ordem de R$ 196.500,00, do orçamento municipal.

Para o Prefeito Fred Guidoni, a aquisição dos veículos é estratégica. “Acredito que cada oportunidade que temos de equipar melhor a administração pública é válida. Estamos investindo pesado na saúde e a aquisição desses automóveis melhora a qualidade do serviço público e, por consequência, no atendimento á população”, afirma Fred Guidoni.

Segundo o secretário de Saúde, Márcio Stievano, esse é mais um investimento na saúde do Município. “Nós observamos um significativo e dinâmico aumento de demanda de atendimentos na área da saúde. É crescente a necessidade de atendimento "in loco" aos pacientes residentes em áreas de pouco acesso, como é o caso da zona rural. Além disso, são constantes as diligências executadas pelos setores de Vigilância Sanitária e Vigilância Epidemiológica, para fiscalizações diversas em toda a cidade”, afirma o secretário.

A saúde vem recebendo, uma atenção especial da administração. Já está funcionando o Laboratório Municipal de Exames Clínicos, novos equipamentos foram instalados no Postos de Atendimento nos bairros e no Complexo Municipal.  Também houve a contratação de mais médicos.  Hoje são mais de 70 médicos atendendo a população jordanense.

“São ações que visam melhorar a qualidade do atendimento e a eficácia do diagnóstico. Quem sai ganhando é a população”, afirma o prefeito Fred Guidoni.

CAPS está sendo reformado

Dentro desta lógica de equipar as unidades de saúde e oferecer um tratamento mais eficiente e maior conforto, a Prefeitura também iniciou nesta semana a  reforma do CAPS – Centro de Atendimento Psicossocial. A reforma física é setorial, para não atrapalhar o atendimento e acompanha o trabalho de reestruturação da unidade e da saúde, num todo.

Todos os espaços do CAPS estão sendo reformados. O local ficará mais claro, com mais segurança, limpo e organizado, além de criar um ambiente mais acolhedor e humanizado. As partes internas e externas receberão pintura. Parte do telhado será trocado e será feito o calçamento no espaço de entrada e saída de veículos e ambulância.  Será feita também a manutenção da rede de esgoto e troca de piso e reforços de estrutura, onde for necessário.

A previsão é que em 60 dias a reforma da nova unidade esteja concluída.

Reestruturação

Com o prédio recuperado, o CAPS contará com oficinas terapêuticas e equipe multidisciplinar completa. O local também passará a oferecer alimentação para os pacientes que necessitam ficar no espaço o dia todo.  Serão ofertados café da manhã, almoço e lanche da tarde.

O CAPS terá toda a equipe reformulada e a contratação de mais uma psiquiatra: a dra Graziela Araújo, que já atende desde 2014, na rede básica de saúde. Também haverá a contratação de mais um psicólogo e um terapeuta ocupacional.

O principal motivo da adequação da equipe é a necessidade da intensificação do tratamento da população usuária de álcool e outras drogas. O Centro de Atenção Psicossocial possui, hoje, em condição de tratamento e acompanhamento, 636 pacientes. A reforma está sendo setorizada para manter o atendimento.

No CAPS, são atendidas pessoas com transtorno mental moderado, grave e persistente, incluindo pessoas com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas. Também é feito o trabalho de orientação à família e grupos de apoio.

Nos últimos 05 meses, foram feitos os seguintes atendimentos:

1045 atendimentos em Psiquiatria; 1.121 atendimentos em Psicologia; 717 atendimentos do Serviço Social; 1.333 atendimentos de enfermagem; 1.244 atendimentos de farmácia; 185 atendimentos de fisioterapia, totalizando 5.645 atendimentos, no período, com média mensal de 1.129 atendimentos/mês.

Nesse período, Janeiro à Maio/2018, foram providenciadas 08 internações psiquiátricas;

Realizados 127 exames laboratoriais, 27 testes rápidos, 26 Visitas domiciliares e 63 buscas ativas de pacientes faltosos.



ass fuck sexo anal Gruppen Pornos Blondine Pornos inzest porn hd