Há 4 anos Prefeitura tem sua sede na Abernéssia

Há quatros, numa cerimônia cercada de simbolismos, foi inaugurada, na manhã do dia três de agosto, a nova sede do executivo municipal de Campos do Jordão.

A inauguração foi um grande evento público, com diversas autoridades municipais e representantes das Associações de Bairros, de entidades sociais e organizações do terceiro setor.

A primeira parte da cerimônia ficou por conta do tombamento da fachada do prédio. Desde 2013, a nova sede do Executivo Municipal passou a chamar  Edifício Dr. Silvestre Ribeiro e é parte patrimônio Histórico e Arquitetônico de Campos do Jordão. Inaugurado em 1.931, o prédio foi construído por Floriano Rodrigues Pinheiro, como Dispensário Emilio Ribas. Ele tinha a finalidade de cadastrar e diagnosticar o grande número de pessoas que procuravam a cidade para a cura da tuberculose. Com estilo neoclássico, esta construção simboliza, no centro de Abernéssia, a luta de muitos que subiram a Serra da Mantiqueira, na esperança de cura para suas doenças respiratórias. A nova sede da Prefeitura também preserva a história jordanense e valoriza as pessoas que são parte da sua história.  Presentes na inauguração, o filho do dr. Silvestre, o senhor Coaraci Inajá Ribeiro e suas irmãs Nádia e Nadir receberam das mãos do prefeito uma medalha de honra ao mérito em reconhecimento à memória do médico.

O pastor Bráz Pereira, Presidente do Conselho de Pastores e o Padre Batista, fizeram a benção do local e rezaram pela prosperidade das intenções daqueles que trabalharão no novo prédio.

Cristiano Cristo de Souza, representando a Associação dos Moradores do Britador, falou em nome das demais entidades presentes. Mais de 20 associações de bairro e entidades sociais participaram da inauguração. Em seguida foi a vez do presidente da Associação Comercial, Wagner Cardoso da Silva que falou sobre a importância do novo endereço da Prefeitura.

Falando em nome dos vereadores, o presidente da Câmara vereador Filipe Cintra saudou o prefeito e o cumprimentou pela execução da sua promessa de campanha, que era trazer o gabinete para mais perto da população.

Em seguida Francisco Vieira Filho, o Chesco, Coordenador Regional do PSDB parabenizou o prefeito Fred Guidoni e o saudou pela iniciativa da mudança, clamando para a sua força de vontade e capacidade realizadora.

O prefeito Fred falou da sua esperança e vontade de atuar mais próximo da população e se colocou à disposição de todos, na nova casa, que espera ser a casa que trará acolhida para todos. “Este é um novo momento da administração. Estamos virando uma página importante”, disse.

A faixa de inauguração foi descerrada, pelo prefeito, o vice, vereadores e autoridades presentes e a população foi convidada a entrar e conhecer o belíssimo prédio. Lá dentro foram descerradas, as placas de inauguração e de tombamento e aberta a exposição, “O Ciclo da Cura” .

A exposição destacou parte do acervo do Museu da Tuberculose e acolheu a exibição do Documentário “A Cidade da Cura”. O documentário de 40 minutos de duração revive um momento da história recente da cidade e do país, quando a tuberculose era vista com muito medo e Campos do Jordão era a cidade para onde vinham milhares de pessoas em busca da cura da doença.

Mas foi também um período duro para os jordanenses, que sofriam com o preconceito e a discriminação. O documentário, que só teve uma exibição pública na cidade, recuperou este momento.

Compartilhe!Share on TumblrTweet about this on TwitterPrint this pageShare on FacebookShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone
WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien